Impress Decor em Milão – Highlights do 2º dia – EuroCucina

Hoje a equipe Impress Decor Brasil visitou a EuroCucina, que acontece durante a Semana de Design de Milão e é a referência mundial em tendências do setor. A feira conta com as marcas mais importantes do mundo em seu portfolio e é muito visitada por indústrias e empresas que estão conectadas no que se cria de inovador para a cozinha do novo morar.

Ernesto Meda

Valorizar a cozinha como o coração da casa ainda reverbera na maioria das propostas das marcas. Espaços integrados, com uma função além do cozinhar, foi bem explorado pelos expositores, como tem acontecido nos últimos anos. Mas o destaque entre as marcas foi o uso dos metálicos, como também foi visto em Brera no Fuorisalone. Em acabamentos sofisticados, as superfícies carregam em si um toque elegante e ao mesmo tempo discreto. “Por mais que possa parecer uma proposta ‘ostentação’, é exatamente o contrário; são metais escovados, uma gama de tons mais calmos, com fundo cinza ou mais quentes”, explica o gerente de design e produtos da Impress Decor, Alexandre Chiquiloff. Essa tendência metalizada perpassa tanto pelas superfícies de painéis e portas dos armários como também em telas que reproduzem a textura de tecidos, puxadores e detalhes dos móveis.

Ernesto Meda
Nobilia

Uma forte tendência observada pelo time Impress foi os produtos com efeito canelado. Observados em diversos tamanhos, variações de repetições, em posição vertical ou horizontal, em baixo ou alto relevo, em superfícies curvas ou retas, os canelados ganharam espaço em diversos estandes da EuroCucina. Diferente do ripado, esse canelado é mais delicado como se a superfície tivesse passado por um processo de usinagem, produzidas com alta tecnologia, geram um efeito 3D que dão a sensação de ritmo e estavam aplicadas em diversos materiais como madeiras, unicolores, híbridos, metais e vidros.

Snaidero

A madeira também se faz presente na EuroCucina. Estruturas linheiras, carvalho, nogueira, algumas com fundo avermelhado, constituem uma inspiração bastante europeia, sobretudo italiana. Também se viu uma dose leve de rusticidade pelo uso da madeira em veios sutis mas com identidade. “Acreditamos nessa inclinação para o rústico como um movimento que pode crescer pelos próximos anos”, diz Alexandre.

Nolte
DoimoCucine

Um outro elemento de destaque foi o uso dos híbridos, em tons suaves, na sua maioria na paleta dos cinzas. Estruturas tranquilas, agregados minúsculos ou até mesmo outros com agregados que lembram o terrazzo, transmite uma calidez com personalidade. “Superfícies em tons de cinza que remetem ao nosso produto Quarzstone deixam a sensação de elegância calma aos espaços, com um toque de modernidade”, comenta Alexandre.

Veneta Cucina

Os unicolores ainda são pontos a serem observados. Muitas marcas criaram armários em tons coloridos, mas com um fundo mais esmaecido, trazendo cores como o laranja, azul, verde, vermelho mais fechados, apresentando um movimento de mais vida na cozinha mas com certa sobriedade.

Esses materiais em um mesmo ambiente, como o vidro, metal, madeira, entre outros, foram harmoniosamente unidos pela paleta cálida de marrons, cinzas, azuis, dourados esmaecidos, e com doses de metal em alguns acabamentos, deixando o conjunto interessante ao olhar. A cozinha ainda continua sendo o coração da casa, mas com um toque contemporâneo e de olho no futuro.

Amanhã teremos mais novidades de Milão por aqui! Não deixe de conferir!

ARTIGOS RELACIONADOS

Saiba as Tendências de Decoração e Design para 2024

À medida que avançamos em 2024, o universo do...

Do local ao universal: a narrativa humana da Arquitetura Vernacular

A arquitetura vernacular é uma expressão do lugar. Reflete...

Do natural ao tecnológico: a beleza das pedras no design e na decoração

Em um mundo onde o design se transforma constantemente,...

Pintura Caiada: Tons Esmaecidos em Projetos Contemporâneos

Na incessante busca por inovação e inspiração, o mundo...